A Organização Espacial da Pequena Propriedade Rural no Norte do Paraná: Permanências e Transformações

Liriani de Lima Santos

Resumo

A formação do Norte do Paraná foi profundamente marcada pela expansão da cultura cafeeira paulista e pela presença de empresas colonizadoras, destacando-se entre elas – devido à extensão da área de atuação – a Companhia de Terras Norte do Paraná (CTNP), empresa de origem inglesa que passou a ser comandada pelo capital nacional em 1944 e sete anos depois alterou sua denominação para Companhia Melhoramentos Norte do Paraná (CMNP). A economia cafeeira e a atuação da CTNP/CMNP imprimiram nas pequenas propriedades rurais do Norte do Paraná uma organização espacial bastante característica e que ainda pode ser percebida na disposição dos lotes, na organização interna das propriedades e nas edificações. O presente trabalho pretende apontar essas características que tendem a desaparecer à medida que o capital avança no campo.

Palavras-chave

Norte do Paraná; Pequenas propriedades rurais; Café; Organização espacial.

Texto completo:

PDF