GERAÇÕES, FRONTEIRAS E ITALIANIDADE NO SUL DO BRASIL

Silvio Antonio Colognese

Resumo

O objetivo deste trabalho é sugerir a importância da noção de fronteira enquantounidade de análise nas pesquisas sobre relações geracionais em ambientes de mobilizaçãoétnica. Para a demonstração desta importância, são utilizadas informações de pesquisassobre associativismo étnico, encontros de parentelas e movimentos pela busca da duplacidadania entre descendentes de italianos no Sul do Brasil.

Palavras-chave

gerações; fronteiras; italianidade; unidade de análise

Texto completo:

PDF