PÓS-COLONIALISMO: O SABER LOCAL E AS RELAÇÕES DE PODER NA OBRA “NOS HAN DADO LA TIERRA” DE JUAN RULFO

Job Lopes, Alan Santos

Resumo

Ateoriapós-colonial estrutura sua ótica partindo da culturadassociedadespós-coloniais,mas tambémse volta para os efeitossimbólicos, que estas causam nas comunidades descentralizadas (colônias) no processo de intercambio histórico-cultural. Com base na teoria crítica e valendo-se de autores contemporâneos: Pierre Bourdieu (2005), Cliford Geertz (1997), Stuart Hall (2006), entre outros, o artigo propõe uma interpretação em relação à obra, “Nos han dado la tierra”, publicada em 1953, pelo escritor mexicano, Juan Rulfo. O eixo central do estudo é discutir a relação de poder que há, dos dominantes em relação aos dominados, e os efeitos causados por esse sistema de apropriação do saber. 

Palavras-chave

pós-colonialismo; méxico; literatura.

Texto completo:

PDF