O CUIDADO DA CRIANÇA NA ATENÇÃO PRIMÁRIA: INFLUÊNCIA DA ESTRUTURA E PROCESSO DE TRABALHO

Anna Luiza Finkler, Beatriz Rosana Gonçalves de Oliveira Toso, Cláudia Silveira Viera, Cláudia Ross, Phallcha Luízar Obregón, Rosa Maria Rodrigues

Resumo


Objetivou-se analisar a estrutura das unidades de atenção primária da área urbana de um município no Oeste do Paraná, comparativamente às diretrizes existentes para a área física de unidades de saúde nesse âmbito de atenção e analisar a influência da estrutura no processo de trabalho de duas equipes de atenção primária à saúde, tradicional e saúde da família. Metodologia quali-quantitativa, com instrumento de coleta de dados com questões fechadas para avaliação da estrutura e uso da técnica de observação para apreender o processo de trabalho das equipes. Análise quantitativa estatística descritiva e qualitativa por unidades temáticas. Os resultados relacionados à estrutura física mostraram os itens minimamente necessários, exigidos na normativa das edificações dos serviços de saúde. Contudo, tal estrutura, seus fluxos de trabalho e a organização do processo de trabalho, exerceram influência negativa no processo de trabalho da equipe, tanto da unidade tradicional quanto na estratégia saúde da família.


Palavras-chave


Atenção primária à Saúde; Enfermagem Pediátrica; Criança; Estrutura dos serviços.

Texto completo:

PDF


Revista Varia Scientia - Ciências da Saúde


e-ISSN 2446-8118

Unioeste
Universidade Estadual do Oeste do Paraná
Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação
Rua Universitária, 1619 - Jardim Universitário
Cascavel – Paraná - CEP: 85819-110

| revista.vscsaude@unioeste.br |