DIATERMIA POR ONDAS CURTAS NO TRATAMENTO DA RETRAÇÃO DA MUSCULATURA ISQUIOTIBIAL: REVISÃO SISTEMÁTICA

Autores

  • Bruno Henrique Antunes Colman
  • Eduardo Gasoto Moreira
  • Vilson Antonio Marció Filho
  • Fernando Amâncio Aragão
  • Gladson Ricardo Flor Bertolini

DOI:

https://doi.org/10.48075/vscs.v3i2.17359

Palavras-chave:

Maleabilidade, Diatermia, Hipertermia induzida.

Resumo


Introdução: O encurtamento da musculatura isquiotibial é comum e pode trazer dificuldades e limitações para as atividades de vida diária. Devido ao grande número de pessoas com tal retração, é importante compreender e buscar melhorar a extensibilidade para que o encurtamento não seja um empecilho para o indivíduo. Objetivo: O objetivo desta revisão sistemática é investigar se a técnica de diatermia por ondas curtas (calor profundo) pode aumentar a extensibilidade dos isquiotibiais em indivíduos com encurtamento dessa musculatura. Método: Revisão literária sistemática de artigos acadêmicos sobre o tema na base de dados Pubmed, Pedro, Scielo e Google Acadêmico, usando as seguintes palavras chaves: eletroterapia, ondas curtas, micro-ondas, flexibilidade, amplitude de movimento e extensibilidade. Foi utilizado a metodologia PRISMA para seleção dos artigos. Resultados: nove artigos foram selecionados para elaboração dos resultados apenas três apresentaram que o uso do calor profundo produziu ganho significativo em relação ao grupo controle, contudo, devido a diversos problemas metodológicos não é possível afirmar efeitos positivos ou negativos de tal modalidade terapêutica.

Biografia do Autor

Gladson Ricardo Flor Bertolini

Colegiado de Fisioterapia da Unioeste

Laboratório de Estudo das Lesões e Recursos Fisioterapêuticos

Downloads

Publicado

29-12-2017

Como Citar

COLMAN, B. H. A.; MOREIRA, E. G.; MARCIÓ FILHO, V. A.; ARAGÃO, F. A.; BERTOLINI, G. R. F. DIATERMIA POR ONDAS CURTAS NO TRATAMENTO DA RETRAÇÃO DA MUSCULATURA ISQUIOTIBIAL: REVISÃO SISTEMÁTICA. Varia Scientia - Ciências da Saúde, [S. l.], v. 3, n. 2, p. 155–164, 2017. DOI: 10.48075/vscs.v3i2.17359. Disponível em: https://e-revista.unioeste.br/index.php/variasaude/article/view/17359. Acesso em: 8 dez. 2021.

Edição

Seção

Revisões de Literatura