O ETERNO RETORNO COMO IMPERATIVO EXISTENCIAL

Autores

DOI:

https://doi.org/10.48075/ra.v9i2.25721

Palavras-chave:

Eterno Retorno, Imperativo, Afirmação, Existência.

Resumo


Este artigo apresenta o eterno retorno de Friedrich Nietzsche como um imperativo existencial, isto é, um conselho que diz ao homem para viver a vida de modo tal que ele queira vivê-la infinitas vezes. Seu ponto de partida é uma tese cosmológica, uma perspectiva do mundo constituído por forças finitas que se desenvolvem dentro de um tempo infinito. Da combinação destes dois elementos surgiria o retorno eterno dos mesmos instantes já efetivados.

Downloads

Publicado

25-12-2021

Como Citar

SMOLNIAKOF, B. O ETERNO RETORNO COMO IMPERATIVO EXISTENCIAL. Alamedas, [S. l.], v. 9, n. 2, 2021. DOI: 10.48075/ra.v9i2.25721. Disponível em: https://e-revista.unioeste.br/index.php/alamedas/article/view/25721. Acesso em: 26 jun. 2022.

Edição

Seção

Artigos e Ensaios