Relação Solo-Paisagem no Alto Curso do Córrego Quatro Pontes, Município de Quatro Pontes, PR

Autores

  • Bruno Aparecido da Silva
  • Vanda Moreira Martins
  • Ericson Hideki Hayakawa

Palavras-chave:

Relação solo-paisagem, Mapeamento de solos, Córrego Quatro Pontes

Resumo


Uma das formas de planejar a ocupação da bacia hidrográfica é o mapeamento da distribuição dos solos na paisagem. Neste contexto, o objetivo deste trabalho foi o de mapear os solos no alto curso da bacia hidrográfica do Córrego Quatro Pontes, localizada no município de Quatro Pontes - PR, a partir da organização de dados geoambientais. A metodologia pautou-se na elaboração de cartas temáticas de hipsometria, declividade, rede de drenagem, e de uso e cobertura da terra a partir de aplicativos SIG. O mapeamento de solos foi realizado com base nessas cartas e posteriormente averiguado em campo. Os aplicativos utilizados foram o SPRING 5.2 e o QGis 2.4. Os resultados demonstram que a declividade e a forma das vertentes influenciam diretamente na distribuição dos solos. Latossolos, Nitossolos, encontram-se em setores com declividade <10%, vertentes longas e áreas de topo e média vertente, respectivamente. Cambissolos, Neossolos estão condicionados a ambientes com declividades >10% e segmentos com fortes rupturas de declive. Os Gleissolos encontram-se em áreas planas da bacia, associados ao canal fluvial principal.

Downloads

Publicado

01-01-2000

Como Citar

DA SILVA, B. A.; MOREIRA MARTINS, V.; HIDEKI HAYAKAWA, E. Relação Solo-Paisagem no Alto Curso do Córrego Quatro Pontes, Município de Quatro Pontes, PR. Perspectiva Geográfica, [S. l.], v. 11, n. 15, p. 83–90, 2000. Disponível em: https://e-revista.unioeste.br/index.php/pgeografica/article/view/16461. Acesso em: 10 ago. 2022.