Meio Ambiente e Fronteira: a Exploração dos Recursos Naturais na Fronteira Brasil-Argentina-Uruguai

Autores

  • Susana Cesco Unicamp
  • Helena Basso Feil Unipampa
  • Carla Renata Santos Silva Unipampa

Palavras-chave:

Transformação Ambiental, Fronteiras, Rio Uruguai.

Resumo


Este trabalho visa entender o processo de ocupação e transformação histórica ambiental das fronteiras oeste e sul do Brasil com a Argentina e o Uruguai no século XIX e início do século XX, com destaque para as interpretações de viajantes e naturalistas europeus sobre esse processo. Serão abordadas questões relacionadas à ocupação da região e à transformação e degradação ambiental, especificamente da faixa costeira do rio Uruguai, no estado do Rio Grande do Sul, fronteira com a Argentina e ao sul com o Uruguai, em decorrência das atividades extrativas, agrícolas e pecuárias. Considera-se relevante para a análise o mapeamento de “relatos de viajantes” como Alejo Peyret e Arsène Isabelle, além de estudos locais e imagens fotográficas que “acompanharam” esse processo de transformação.

Downloads

Publicado

31-03-2017

Como Citar

CESCO, S.; BASSO FEIL, H.; SANTOS SILVA, C. R. Meio Ambiente e Fronteira: a Exploração dos Recursos Naturais na Fronteira Brasil-Argentina-Uruguai. Perspectiva Geográfica, [S. l.], v. 11, n. 15, p. 152–164, 2017. Disponível em: https://e-revista.unioeste.br/index.php/pgeografica/article/view/16595. Acesso em: 10 ago. 2022.