CARACTERIZAÇÃO DAS TENTATIVAS DE SUICÍDIO POR EXPOSIÇÃO A AGENTES TÓXICOS

Autores

DOI:

https://doi.org/10.48075/vscs.v7i1.26658

Palavras-chave:

Suicídio, Tentativa de suicídio, Intoxicação.

Resumo


Objetivo: caracterizar o perfil dos indivíduos que tentaram suicídios por exposição a agentes tóxicos, registrados em um Centro de Informação e Atendimento Toxicológico, no período de 01 de setembro de 2018 a 02 de fevereiro de 2020. Materiais e métodos: estudo descritivo, retrospectivo e documental, com análise quantitativa. Este estudo teve, como fontes secundárias de dados, as fichas de atendimento, utilizadas pelo Centro de Informação e Atendimento Toxicológico, no período de 01 de setembro de 2018 a 02 de fevereiro de 2020, totalizando 102 fichas de intoxicação. A coleta de dados ocorreu nos meses de março e abril de 2020. O instrumento de coleta de dados teve 11 variáveis, pertinentes ao indivíduo, quanto à exposição e à evolução clínica do indivíduo. Resultados: Do total da amostra, a maior ocorrência foi com o gênero feminino; a idade predominante foi menor que 20 anos e prevaleceu a baixa escolaridade. Os medicamentos e os agrotóxicos foram as substâncias mais encontradas. Conclusão: Os resultados apresentam as intoxicações exógenas como um sério problema de saúde pública, que exige elaboração de ações e políticas no âmbito da gestão em saúde, de modo a reduzir os fatores de risco e melhorar a qualidade de vida.

Biografia do Autor

Everlaine Silva dos Santos, Universidade Estadual do Oeste do Paraná/UNIOESTE

Acadêmica do 5° Ano do Curso de Enfermagem da Universidade Estadual do Oeste do Paraná/ UNIOESTE, campus de Cascavel PR

Maristela Salete Maraschin, Universidade Estadual do Oeste do Paraná/UNIOESTE

Enfermeira, mestre. Docente da Universidade Estadual do Oeste do Paraná/UNIOESTE, campus de Cascavel PR.

Leda Aparecida Vanelli Nabuco de Gouvea, Universidade Estadual do Oeste do Paraná/UNIOESTE

Doutora, enfermeira, docente da Universidade Estadual do Oeste do Paraná/UNIOESTE, campus de Cascavel PR.

Gicelle Galvan Machineski, Universidade Estadual do Oeste do Paraná/UNIOESTE

Doutora, enfermeira, docente da Universidade Estadual do Oeste do Paraná/UNIOESTE, campus de Cascavel PR.

Downloads

Publicado

09-08-2021

Como Citar

SANTOS, E. S. dos; MARASCHIN, M. S.; GOUVEA, L. A. V. N. de; MACHINESKI, G. G. CARACTERIZAÇÃO DAS TENTATIVAS DE SUICÍDIO POR EXPOSIÇÃO A AGENTES TÓXICOS. Varia Scientia - Ciências da Saúde, [S. l.], v. 7, n. 1, p. 9–17, 2021. DOI: 10.48075/vscs.v7i1.26658. Disponível em: https://e-revista.unioeste.br/index.php/variasaude/article/view/26658. Acesso em: 2 dez. 2021.

Edição

Seção

Artigos Originais