COMPETITIVIDADE DAS EXPORTAÇÕES BRASILEIRAS E INDONÉSIAS DE CAFÉ

Autores

DOI:

https://doi.org/10.48075/rfc.v21i33.22847

Palavras-chave:

Café. Competitividade. Comércio Internacional.

Resumo


O objetivo deste estudo foi o de analisar a competitividade das exportações brasileiras no mercado mundial do café, entre 2000 a 2016, em comparação ao quarto maior produtor e exportador mundial, a Indonésia. Os dados foram coletados no site do UN COMTRADE (United Nations Comtrade), da FAO (Food and Agriculture Organization of the United Nations) e da WTO (World Trade Organization). A metodologia empregada baseou-se no Índice de Vantagem Comparativa Revelada Simétrica (VCRS), na Razão de Concentração (CR), e no Índice de Orientação Regional (IOR). Os resultados revelaram que tanto o Brasil quanto a Indonésia apresentaram vantagens comparativas para as exportações de café. Em relação à CR, o Brasil apresentou concentração e a Indonésia desconcentração das exportações. O IOR indicou orientação das exportações de café do Brasil para Alemanha, Itália e Estados Unidos. Já o IOR da Indonésia apresentou orientação das exportações de café somente aos Estados Unidos e à Alemanha.

Biografia do Autor

Leonardo Sangoi Copetti

Mestre em Administração pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)

Daniel Arruda Coronel, Universidade Federal de Santa Maria

Doutor em Economia Aplicada pela Universidade Federal de Viçosa (UFV), Professor Associado do Departamento de Economia e Relações Internacionais

Downloads

Publicado

11-04-2020

Como Citar

COPETTI, L. S.; CORONEL, D. A. COMPETITIVIDADE DAS EXPORTAÇÕES BRASILEIRAS E INDONÉSIAS DE CAFÉ. Revista Faz Ciência, [S. l.], v. 21, n. 33, p. 76, 2020. DOI: 10.48075/rfc.v21i33.22847. Disponível em: https://e-revista.unioeste.br/index.php/fazciencia/article/view/22847. Acesso em: 8 ago. 2022.

Edição

Seção

Artigos