INSTITUIÇÕES E ENRAIZAMENTO NOS MERCADOS DA AGRICULTURA FAMILIAR

Autores

  • Clério Plein

DOI:

https://doi.org/10.48075/rfc.v12i15.7514

Resumo


A agricultura familiar é reconhecida pela sua importância social e econômica. Em função da crescente mercantilização, vai transformando as suas características, permanecendo, no entanto, o caráter familiar da força de trabalho. Portanto, objetivo do texto é buscar elementos teóricos para compreender a relação da agricultura familiar com os mercados. Trata-se de um ensaio teórico e como principal conclusão destacam-se as contribuições da Nova Economia Institucional e da Nova Sociologia Econômica, que, com base nos conceitos de instituições e enraizamento, lançam luzes sobre a temática.

Downloads

Publicado

01-01-2000

Como Citar

PLEIN, C. INSTITUIÇÕES E ENRAIZAMENTO NOS MERCADOS DA AGRICULTURA FAMILIAR. Revista Faz Ciência, [S. l.], v. 12, n. 15, p. 95, 2000. DOI: 10.48075/rfc.v12i15.7514. Disponível em: https://e-revista.unioeste.br/index.php/fazciencia/article/view/7514. Acesso em: 15 ago. 2022.

Edição

Seção

Artigos