VARIAÇÃO LINGUÍSTICA E LETRAMENTO: UMA DISCUSSÃO NECESSÁRIA

Autores

  • Sandro Bochenek

DOI:

https://doi.org/10.48075/rfc.v15i22.9151

Palavras-chave:

Variação Linguística. Letramento. Ideologia

Resumo


O presente artigo busca traçar uma relação entre variação linguística e letramento, além de apontar a importância dessas temáticas para a sociedade de modo geral. Recorre-se, para tanto, a autores como Soares (2001, 2004 e 2007), Bagno (2004), Lucchesi (2004a e 2004b), Labov (2008), Bakhtin (1995), Bourdieu (1998), entre outros, além de análises da legislação educacional vigente, para melhor elucidar o tema proposto. A variação linguística é inerente ao uso da língua, à sociedade e, em contrapartida, ás relações por ela estabelecidas. Dessa forma, torna-se indispensável discuti-la à luz das mais diversas teorias, buscando uma interação com o universo social. Espera-se que os resultados ora apontados possam instigar futuras pesquisas acerca do assunto, além de auxiliar nos caminhos educacionais a serem futuramente trilhados. 

Downloads

Publicado

01-01-2000

Como Citar

BOCHENEK, S. VARIAÇÃO LINGUÍSTICA E LETRAMENTO: UMA DISCUSSÃO NECESSÁRIA. Revista Faz Ciência, [S. l.], v. 15, n. 22, p. 173, 2000. DOI: 10.48075/rfc.v15i22.9151. Disponível em: https://e-revista.unioeste.br/index.php/fazciencia/article/view/9151. Acesso em: 18 ago. 2022.

Edição

Seção

Artigos