O impacto da variação cambial no planejamento orçamentário: uma análise do uso de medidas de proteção cambial

Autores

  • Antonio Oliveira de Carvalho Universidade Nove de Julho - UNINOVE: Programa de Pós-Graduação em Administração - PPGA Centro Universitário Jorge Amado - UNIJORGE: Cursos de Ciências Contábeis e Administração.
  • Saionara de Andrade da Cunha Centro Universitário Jorge Amado - UNIJORGE: Bacharelado em Ciências Contábeis.
  • Cláudia de Carvalho Bitencourt Centro Universitário Jorge Amado - UNIJORGE: Centro de Pós-Graduação.

DOI:

https://doi.org/10.48075/comsus.v4i1.16893

Palavras-chave:

Planejamento orçamentário, Variação cambial, Medidas de proteção cambial.

Resumo


Um dos aspectos de maior relevância no planejamento orçamentário e na gestão dos negócios é a previsibilidade dos custos de produção. Os custos dos insumos possuem impactos diretos no custo do produto final. Este trabalho tem como objetivo analisar os impactos da variação cambial sobre os custos de produção. O estudo foi realizado utilizando dados de uma empresa industrial sediada na Região Metropolitana de Salvador, Bahia, Brasil, que importa 95% da sua matéria prima de Israel, indexada em Dólar norte-americano. A análise foi realizada utilizando períodos com distintas cotações do Dólar com 3 posições de transação: compra à vista, compra a prazo com e sem o uso da medida protetiva de hedge. Os resultados apontam que a variação cambial impacta na variação e na previsibilidade dos custos e que as medidas de proteção, protegem parcialmente as operações de compra, pois, protege apenas quando ha elevação acentuada da cotação do Dólar em relação à data da transação e, quanto maior o prazo, maior é o custo do contrato de hedge, maior é a variação cambial necessária para que o uso do hedge torne-se vantajoso.  

Biografia do Autor

Antonio Oliveira de Carvalho, Universidade Nove de Julho - UNINOVE: Programa de Pós-Graduação em Administração - PPGA Centro Universitário Jorge Amado - UNIJORGE: Cursos de Ciências Contábeis e Administração.

Graduado em Administração (ESAMC), Pós-graduado (MBA) em Finanças Corporativas (UNIFACS), Mestre em Administração (UNIFACS), Doutorando em Administração (UNINOVE), Docente de Cursos de Graduação e Pós-graduação (UNIJORGE).

Saionara de Andrade da Cunha, Centro Universitário Jorge Amado - UNIJORGE: Bacharelado em Ciências Contábeis.

Graduada em Administração e Pós-graduando pelo Centro Universitário Jorge Amado (UNIJORGE).

Cláudia de Carvalho Bitencourt, Centro Universitário Jorge Amado - UNIJORGE: Centro de Pós-Graduação.

Graduanda em Ciências Contábeis pelo Centro Universitário Jorge Amado (UNIJORGE).

Downloads

Publicado

14-06-2017

Como Citar

CARVALHO, A. O. de; CUNHA, S. de A. da; BITENCOURT, C. de C. O impacto da variação cambial no planejamento orçamentário: uma análise do uso de medidas de proteção cambial. Revista Competitividade e Sustentabilidade, [S. l.], v. 4, n. 1, p. 33–46, 2017. DOI: 10.48075/comsus.v4i1.16893. Disponível em: https://e-revista.unioeste.br/index.php/comsus/article/view/16893. Acesso em: 21 out. 2021.

Edição

Seção

Artigos