INTENSIFICAÇÃO E PRECARIZAÇÃO DO TRABALHO DE TÉCNICO-ADMINISTRATIVOS NA UFPA: UM ESTUDO SOBRE O TRABALHO DOS SECRETÁRIOS

Fernanda dos Anjos Veiga, Ester Roseli Baptista

Resumo


Este trabalho busca comprovar o aumento na demanda de trabalho dentro das secretarias das faculdades do Instituto de Tecnologia, da Universidade Federal do Pará e o número reduzido de servidores técnico-administrativos (secretários). A expansão dos cursos já existentes, como também a inserção de novos cursos dentro deste Instituto, acontece sem que a administração superior planeje aumentar o quadro de secretários dentro destas faculdades, resultando em sobrecarga aos servidores atuais e implicações frente às respostas necessárias. O resultado do questionário aplicado entre discentes, docentes e secretários das faculdades mostra a sobrecarga gerada para estes secretários e a ausência de adaptações ergonômicas no espaço físico onde estas secretarias funcionam. Existem outros pontos abordados, como a extinção da função gratificada, que já é a menor direcionada a estes secretários, e a inviabilidade de cumprir integramente as orientações descritas no regimento interno relacionadas ao funcionamento das faculdades por um único servidor, o que resulta na contratação de bolsistas dentro destas secretarias. Demonstrar aos gestores públicos que a ausência de acompanhamento do quantitativo de serviço prestado é um diferencial que, quando analisado, ressignifica a prestação de serviço na instituição


Palavras-chave


Secretários. Demanda de trabalho. Serviço público.

Texto completo:

PDF


Direitos autorais



Revista Expectativa

_______________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

ISSN: 1982-3029 (versão eletrônica)

Unioeste

Universidade Estadual do Oeste do Paraná

Campus de Toledo 

Colegiado do Curso de Secretariado Executivo

Rua da Faculdade, 645 - Jd. Santa Maria

85903-000 - Toledo - Paraná;

| revista.expectativa@gmail.com |