FLUXO DE CAIXA: ANÁLISE DAS DEMONSTRAÇÕES DA COPEL

Autores

  • Valeria Vaz de Araujo Buosi
  • Jonathan Dias Ferreira
  • Régio Marcio Toesca Gimenes
  • Fátima Maria Pegorini Gimenes
  • Liliane Dalbello

DOI:

https://doi.org/10.48075/gdemrevista.v2i1.13568

Palavras-chave:

Desempenho financeiro. Demonstrações do fluxo de caixa. Setor energético.

Resumo


Esse estudo possui como objetivo analisar o desempenho econômico financeiro de uma empresa do setor energético, para isso foram utilizadas as demonstrações de fluxo de caixa. A empresa analisada foi a Copel - Companhia Paranaense de Energia. A pesquisa é do tipo descritiva e exploratória. Quanto aos procedimentos, trata-se do estudo de um caso, de uma empresa do setor energético e foram utilizados dados divulgados na BM&FBOVESPA para os cálculos de indicadores financeiros. A situação crítica dos apagões de 2010, 2011 e 2012 somados aos problemas e riscos na geração de energia em 2013, afetaram de forma direta as demonstrações e índices financeiros da Copel. Conforme a análise dos indicadores percebe-se que a Copel foi fortemente afetada no ano de 2011, devido à redução nos índices de liquidez e solvência e, também, em relação à redução do retorno sobre as vendas e o lucro. Em relação à cobertura de juros, o índice teve uma redução contínua no período de 2010 a 2013, no entanto, não deixou de ser positivo, o que demonstra que a empresa tem capacidade de cumprir com suas obrigações, mesmo com índices baixos na geração de caixa. Os índices de cobertura de dívidas, de ≥ 0,40, indicam ser essa uma empresa saudável. Os investimentos, realizados em 2010 e 2013, foram financiados com recursos próprios. Porém, os dados demonstraram que, em 2011, a empresa necessitou do auxílio de capital de terceiros. 

Downloads

Publicado

08-08-2016

Como Citar

BUOSI, V. V. de A.; FERREIRA, J. D.; GIMENES, R. M. T.; GIMENES, F. M. P.; DALBELLO, L. FLUXO DE CAIXA: ANÁLISE DAS DEMONSTRAÇÕES DA COPEL. Gestão e Desenvolvimento em Revista, [S. l.], v. 2, n. 1, p. p. 25–40, 2016. DOI: 10.48075/gdemrevista.v2i1.13568. Disponível em: https://e-revista.unioeste.br/index.php/gestaoedesenvolvimento/article/view/13568. Acesso em: 19 jan. 2022.

Edição

Seção

Artigos