ANÁLISE DA VIABILIDADE ECONÔMICA DA PRODUÇÃO DE AZEITE DE SOJA EM UMA PRENSA EXTRUSORA DE GRÃOS

Autores

DOI:

https://doi.org/10.48075/ijerrs.v4i2.26516

Resumo


O objetivo desta pesquisa foi avaliar a viabilidade econômica da produção de óleo a frio de azeite de soja em uma máquina extrusora de grãos. A utilização de prensas esmagadoras de grãos para produção de azeite de soja tem como uma de suas características principais a capacidade de extrair o óleo a frio sem a utilização de produtos químicos ou geração de calor, produzindo um azeite nobre, o que preserva a maior parte das características nutricionais dos grãos, elimina vários procedimentos utilizados na produção industrial, além de gerar economia de energia e promover o desenvolvimento sustentável, reduzindo dessa forma os impactos ambientais que uma produção industrial acarreta. Como metodologia para o estudo de viabilidade econômica da produção do azeite de soja, optou-se por uma pesquisa quantitativa e qualitativa, com coleta de dados a partir de entrevista semiestruturada, observação não participante e pesquisa documental. A análise de viabilidade foi realizada utilizando como critérios de análise o Payback.

Referências

Bourdeaux-Rêgo, R.; Paulo, G. P.; Spritzer, I. M. P. A. Viabilidade econômico-financeira de projetos. Editora FGV. 4ª edição, Rio de Janeiro-RJ, 2013.

Bossle, M. B.; Barcellos, M. D. de; Vieira, L. M.; Sauvée, L. (2016) The drivers for adoption of eco-innovation. Journal of Cleaner Production, 113, 861-872.

BUENO, Paulo de Lima et al. Automação 4.0 de prensa extrusora e aplicação energética de óleo de linhaça. Revista Técnico-Científica do Crea-Pr, Curitiba, Ed. Especial, p. 1-11, 2019.

Buysse, K.; Verbeke, A. (2003) Proactive environmental strategies: a stakeholder management perspective. Strategic Management Journal, 24(5), 453-470.

Catczu, T. S., Maçaneiro, M. B., & Kühl, M. R. (2019). A Ecoinovação Percebida como Diferencial Competitivo em uma Cooperativa Agroindustrial do Estado do Paraná. Revista de Ciências da Administração, 21(54), 127-144.

Cruz, F. T. (2020). Agricultura familiar, processamento de alimentos e avanços e retrocessos na regulamentação de alimentos tradicionais e artesanais. Rev. Econ. Sociol. Rural, Brasília, 58(2).

EMBRAPA (n.d). Agroindústria. Recuperado em 26 de outubro de 2020, de https://www.embrapa.br/grandes-contribuicoes-para-a-agricultura-brasileira/agroindustria#:~:text=A%20agroind%C3%BAstria%20tem%20participa%C3%A7%C3%A3o%20de,com%20a%20economia%20de%20mercado

Fernandes, A. M., Souza, A. R. L., & Belarmino, L. C. (2020). Ecoinovação no Agronegócio: Revisão Sistemática da Literatura. Desenvolvimento em Questão, 18(50), 201-216.

Ferreira, B. S., Santos, D. F. L., Thomaz, A. G. B., & Rebelato, M. G. (2018). Ecoinovação em uma Agroindústria Sucroenergética: A Implantação do Projeto de Águas Residuais Zero. Revista de Gestão Ambiental e Sustentabilidade, 7(1), 131-145.

FONSECA, J. W. F. (2012) Elaboração e Análise de Projetos. São Paulo: Atlas.

Gil, A. C. (1999). Métodos e técnicas de pesquisa social. São Paulo: Atlas.

Gomes, T. M. S., & Raiher, A. P. (2013). Viabilidade econômica da produção de biogás de dejetos suínos: um estudo de caso. Revista Ciências Administrativas, 19(2), 776-815.

Kawabata, C. Y. (2008). INOVAÇÕES TECNOLÓGICAS NA AGROINDÚSTRIA DA CARNE: estudo de caso. Rev. Acad., Ciênc. Agrár. Ambient., Curitiba, 6(4), 529-532.

Kemp, R., & Pearson, P. (2007). Final report MEI project about measuring eco innovation. Brussels: DG Research, European Commission.

Larson, R., & Farber, B. (2004). Estatística aplicada (2a ed.). São Paulo: Prentice Hall.

Lucion, E. V., Barboza, L. G. S., Bertolini, G. R. F. & Johann, J. A. (2017) Consumers Disposition to Pay: A Projection of Investments in Automobile Eco-Services. REBRAE, Curitiba, 10(3), 348-365.

Malhotra, N. Pesquisa de marketing. 3.ed. Porto Alegre: Bookman, 2001.

Marconi, M. A., & Lakatos, E. M. (2011). Técnicas de pesquisa: planejamento e execução de pesquisa, amostragens e técnicas de pesquisa, elaboração, análise e interpretação de dados (7a ed.). São Paulo: Atlas.

Mendonça, A. T. B. B., Cunha, S. K., & Nascimento, T. C. (2019). Formação de Nichos Tecnológicos e as Ecoinovações: O Caso do Cibiogás na Itaipu Brasil. Revista de Gestão Social e Ambiental, 13(3), 79-97.

Milovidov V. (2019) Innovation, Sustainable Growth, and Energy: Is Leap Forward for Civilization Possible? Foresight and STI Governance, 13(1), 62–68.

Oliveira, V. C. de; Dalchiavon, F. C. (2019) Investimentos na aplicação de defensivos agrícolas na região do Médio-Norte do estado Matogrossense. Revista de Ciências Agrárias, Lisboa, 42(1), 283-293.

Pedroso, L. L. de A., Silva, F. F. da, Silva, F. F. da, Melo, A. M., Erthal Junior, M., Shimoya, A., Matias, I. de O., Souza, C. L. M. de. (2018). Demandas atuais e futuras da biomassa e da energia renovável no Brasil e no mundo. Braz. J. of Develop., Curitiba, 4(5), 1980-1996.

Pialot, O.; Millet, D. (2018) Towards operable criteria of eco-innovation and eco-ideation tools for the early design phases. Procedia CIRP, 69, 692-697.

Raupp, F. M., Beuren, I. M. Metodologia da pesquisa aplicável às ciências sociais. In: Beuren, I. M. (Org.). Como elaborar trabalhos monográficos em contabilidade: teoria e prática. 3. ed. São Paulo: Atlas, 2009. p. 76-97

Reolon, C. B., Rosa, H. A., Dolci, B. D., , D. & Santos, R. F. (2012). Rentabilidade e propriedades físico-químicas do biodiesel de cinco espécies vegetais. Cultivando o Saber, Cascavel, 5(3), 22-32.

Roesch, S. M. A. Projetos de estágio e de pesquisa em administração: guia para estágios, trabalhos de conclusão, dissertações e estudos de caso. 2.ed. São Paulo: Atlas, 1999.

Rost, P. T. (2013). Projeto de viabilidade econômico-financeira de implantação de uma indústria para extração de óleo e farelo de soja. Monografia (especialização) - Universidade Federal do Paraná, Curitiba/PR, Brasil. Disponível: https://acervodigital.ufpr.br/handle/1884/50064.

Santos, J. S. dos (2006). Agroindústria familiar rural no Alto Uruguai do Rio Grande do Sul: uma análise do processo de comercialização (Dissertação de mestrado). Programa de Pós-graduação em Agroecossistemas, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis.

Santos, R. F., Borsoi, A., Delai, J. M. & Siqueira, J. A. C. (2014). Arranjo produtivo e econômico de produção de biodiesel pela agricultura familiar no Oeste do Paraná. Acta Iguazu, Cascavel, 3(1), 126-134.

Sartori, M. A., Perez, R., Silva Júnior, A. G. da, Machado, S. R. S., Santos, M. M. de S. & Miranda, C. A. de C. (2009). Análise de arranjos para extração de óleos vegetais e suprimento de usina de biodiesel. Revista de Economia e Sociologia Rural, 47(2), 419-434.

Strassburg, U., Oliveira, N. & Rocha Junior, W. (2020). As Percepções dos Atores Locais sobre o Biogás no Oeste do Paraná. Desenvolvimento Em Questão, 18(50), 287-307.

Seibert, R. M.; Salla, N.; Rusch, T. F. M. C. & Rusch, J. (2013) Estudo de viabilidade econômico–financeira para implantação de uma estufa hidropônica em uma propriedade rural no interior de Santo Ângelo – RS. IESA, Santo Ângelo-RS.

Silva, A. R., Cirani, C. B. S., & Serra, F. A. R. (2016). Desempenho Econômico e Ambiental: Práticas de Ecoinovação em Biodigestores em Empresas Processadoras de Mandioca. Revista de Gestão Ambiental e Sustentabilidade, 5(3), 72-86.

Wagner, M. B., Motta, V. T. & Dornelles, C. C. (2004). SPSS passo a passo: Statistical Package for the Social Sciences. Caxias do Sul, RS: EDUCS.

Downloads

Publicado

25-03-2022

Como Citar

REIS, A. M. dos .; SCHWINGEL, Ângela W. .; SILVA, T. J. da .; LEWANDOSKI, C. F.; BERTOLINI, G. R. F. .; JOHANN, J. A. . ANÁLISE DA VIABILIDADE ECONÔMICA DA PRODUÇÃO DE AZEITE DE SOJA EM UMA PRENSA EXTRUSORA DE GRÃOS . International Journal of Environmental Resilience Research and Science - IJERRS, [S. l.], v. 4, n. 2, p. 1–17, 2022. DOI: 10.48075/ijerrs.v4i2.26516. Disponível em: https://e-revista.unioeste.br/index.php/ijerrs/article/view/26516. Acesso em: 25 jun. 2022.

Edição

Seção

Edição especial - III Workshop RIPERC - artigos convidados