A política de desaparecimento como modalidade repressiva das ditaduras de segurança nacional

Autores

  • Enrique Serra Padrós

DOI:

https://doi.org/10.36449/rth.v0i0.1229

Resumo


O presente artigo analisa a política de desaparecimento, modalidade repressiva implementada durante as ditaduras civil-militares do Cone Sul, a partir da perspectiva do Terror de Estado, mecanismo implementado para aplicar as premissas da Doutrina de Segurança Nacional. O texto descreve os motivos dos seqüestros seguidos de desaparecimentos forçados assim como avalia as seqüelas que se projetaram no período democrático posterior.

Downloads

Publicado

01-01-2000

Como Citar

SERRA PADRÓS, E. A política de desaparecimento como modalidade repressiva das ditaduras de segurança nacional. Tempos Históricos, [S. l.], p. p. 105–129, 2000. DOI: 10.36449/rth.v0i0.1229. Disponível em: https://e-revista.unioeste.br/index.php/temposhistoricos/article/view/1229. Acesso em: 2 jul. 2022.

Edição

Seção

Dossiê Temático