O PCB E O CAMPESINATO: A CONTRIBUIÇÃO INICIAL DE NESTOR VERA AO MOVIMENTO CAMPONÊS

Autores

  • Diego BECKER Secretaria de Educação do Estado de São Paulo

DOI:

https://doi.org/10.36449/rth.v22i2.20570

Palavras-chave:

Comunistas, Campesinato, PCB, Nestor Vera

Resumo


A experiência de Nestor Vera na organização do movimento camponês proporciona compreendermos a relação entre Comunistas e camponeses. Esse trabalho é fruto de uma pesquisa que tem como objetivo apresentar as primeiras contribuições de Nestor Vera, em especial, para apontar a importância do PCB na formação e consolidação de um movimento camponês no Brasil. Desta forma, o artigo retrata a fundação da Liga Camponesa de Santo Anastácio (1946), passando pelos conflitos agrários no interior de São Paulo até a formação da União dos Lavradores e Trabalhadores Agrícolas do Brasil (ULTAB).

Biografia do Autor

Diego BECKER, Secretaria de Educação do Estado de São Paulo

Bacharel e mestre em História pela Universidade Federal de São Paulo, professor de História da Secretaria de Educação do Estado de São Paulo.

Downloads

Publicado

02-04-2019

Como Citar

BECKER, D. O PCB E O CAMPESINATO: A CONTRIBUIÇÃO INICIAL DE NESTOR VERA AO MOVIMENTO CAMPONÊS. Tempos Históricos, [S. l.], v. 22, n. 2, p. 296–330, 2019. DOI: 10.36449/rth.v22i2.20570. Disponível em: https://e-revista.unioeste.br/index.php/temposhistoricos/article/view/20570. Acesso em: 7 ago. 2022.

Edição

Seção

Dossiê Temático