BEZERRA, DANIELI MACHADO. LACAN PARA HISTORIADORES. CURITIBA: APPRIS, 2018.

Autores

  • Raphael Cesar LINO UNESP, Universidade Estadual Paulista

DOI:

https://doi.org/10.36449/rth.v23i2.23440

Palavras-chave:

História, psicanálise, teoria da história

Resumo


Nesta resenha apresentamos a obra Lacan para historiadores, da historiadora Danielle MAchado Bezerra, que realiza um diálogo interdisciplinar entre história e psicanálise partindo de considerações teóricas do psicanalista francês, Jacques Lacan. Contribuindo para o enriquecimento do campo de teoria da história no Brasil, a autora envereda por um debate recente e polêmico na historiografia, dando ênfase na construção discursiva e narrativa elaborada pelo historiador.

Biografia do Autor

Raphael Cesar LINO, UNESP, Universidade Estadual Paulista

Doutorando em história, Linha de pesquisa: Cultura, Historiografia e Patrimônio, vinculado ao programa de pós-graduação em história da unesp, FCL de Assis, Bolsista CAPES.

Referências

BEZERRA, Danieli Machado. Lacan para historiadores. Curitiba: Appris, 2018.

BURKE, Peter. A escola dos Annales, 1929 – 1989 A revolução francesa da historiografia. São Paulo: Editora UNESP, 1992.

CERTEAU, Michel. As escritas Freudianas. IN. CERTEAU, Michel. A escrita da história. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 1982.

ROUDINESCO, Elisabeth & PLON, Michel. Dicionário de Psicanálise. Rio de Janeiro: Zahar, 1998.

ŽIŽEK, Slavoj. Como ler Lacan. Rio de Janeiro: Zahar, 2010.

Downloads

Publicado

14-04-2020

Como Citar

LINO, R. C. BEZERRA, DANIELI MACHADO. LACAN PARA HISTORIADORES. CURITIBA: APPRIS, 2018. Tempos Históricos, [S. l.], v. 23, n. 2, p. 613–618, 2020. DOI: 10.36449/rth.v23i2.23440. Disponível em: https://e-revista.unioeste.br/index.php/temposhistoricos/article/view/23440. Acesso em: 4 out. 2022.

Edição

Seção

Resenhas