Conexões periféricas no pensamento de José Carlos Mariátegui (1920-1930)

Autores

DOI:

https://doi.org/10.36449/rth.v25i1.24277

Palavras-chave:

Anos 1920, José Carlos Mariátegui, Ocidente-Oriente, Pensamento latino-americano.

Resumo


A produção intelectual do socialista peruano José Carlos Mariátegui (1894-1930) abrange, além de suas análises sobre o Peru, o estudo do panorama internacional – incluindo não somente a Europa, mas a Ásia e a África (Oriente), como também a América Latina. Assim, uma das faces de seu pensamento parece resultar do exame da situação de países periféricos após a Primeira Guerra Mundial, e das possíveis conexões, em termos de circulação de ideias, existentes entre eles nesse período, particularmente na década de 1920. A presente nota de pesquisa objetiva apresentar o desenvolvimento da dissertação de mestrado sob o título “Conexões periféricas no pensamento de José Carlos Mariátegui”, que tem a intenção de compreender como a aproximação a essas formações culturais diferentes contribuiu para a elaboração das ideias do intelectual peruano.

Biografia do Autor

Karina de Oliveira Oyakawa, Universidade Federal de São Paulo

Mestranda do Programa de pós-graduação em História da Universidade Federal de São Paulo

Downloads

Publicado

12-08-2021

Como Citar

OYAKAWA, K. de O. Conexões periféricas no pensamento de José Carlos Mariátegui (1920-1930). Tempos Históricos, [S. l.], v. 25, n. 1, p. 526–540, 2021. DOI: 10.36449/rth.v25i1.24277. Disponível em: https://e-revista.unioeste.br/index.php/temposhistoricos/article/view/24277. Acesso em: 18 out. 2021.

Edição

Seção

Relatos de Pesquisa