Um marxismo sincopado: método e crítica em José Ramos Tinhorão

Autores

  • Manoel Dourado Bastos

DOI:

https://doi.org/10.36449/rth.v15i1.5709

Palavras-chave:

(José Ramos) Tinhorão, música popular brasileira, história, música

Resumo


José Ramos Tinhorão é um nome fundamental na historiografia da música brasileira. Ainda assim, é um nome controverso. Acusado de maniqueísmo, continua sendo referência importante para diversos estudos quando o assunto é História e Música. O presente texto pretende sugerir uma interpretação para os trabalhos de Tinhorão, reconhecendo na simbiose de seu trabalho como crítico e historiador os caminhos por ele apontados para a compreensão da música popular brasileira. A chave do argumento de Tinhorão está em sua afirmação do povo como sujeito histórico.

Downloads

Publicado

01-01-2000

Como Citar

BASTOS, M. D. Um marxismo sincopado: método e crítica em José Ramos Tinhorão. Tempos Históricos, [S. l.], v. 15, n. 1, p. 289–314, 2000. DOI: 10.36449/rth.v15i1.5709. Disponível em: https://e-revista.unioeste.br/index.php/temposhistoricos/article/view/5709. Acesso em: 10 ago. 2022.

Edição

Seção

Dossiê: História, Cinema e Música