A PESCA ARTESANAL NO CONTEXTO PORTUGUÊS: O CONHECIMENTO LOCAL NA SOLUÇÃO DE CONFLITOS

Autores

  • Cibele Dias da Silveira

DOI:

https://doi.org/10.36449/rth.v15i2.7211

Palavras-chave:

Políticas públicas, pesca artesanal, unidades de conservação,

Resumo


 

Este artigo trata de um estudo realizado na Vila de pesca de Sesimbra, próxima à capital de Portugal, Lisboa. A pesquisa teve como objetivo explorar a realidade pesqueira artesanal da região, propondo a participação dos pescadores nas discussões das políticas de pesca, bem como a intervenção desses atores através de seu conhecimento ecológico local. Tal pesquisa desvelou o conflito vivenciado pela comunidade pesqueira ante a criação do Parque Marinho Luiz Saldanha, e a perspectiva dos pescadores frente às atuais políticas de pesca instauradas.

Downloads

Publicado

08-11-2012

Como Citar

SILVEIRA, C. D. da. A PESCA ARTESANAL NO CONTEXTO PORTUGUÊS: O CONHECIMENTO LOCAL NA SOLUÇÃO DE CONFLITOS. Tempos Históricos, [S. l.], v. 15, n. 2, p. 383–404, 2012. DOI: 10.36449/rth.v15i2.7211. Disponível em: https://e-revista.unioeste.br/index.php/temposhistoricos/article/view/7211. Acesso em: 18 ago. 2022.

Edição

Seção

Dossiê Temático