EVOLUÇÃO DA PRODUÇÃO DE CANA-DE-AÇÚCAR NO ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL

Lilliane Renata Defante, Olivier Vilpoux, Leandro Sauer

Resumo

A pesquisa analisou a expansão da cana-de-açúcar no Brasil e no Mato Grosso do Sul. Foram utilizados dados de revisão bibliográfica e consultas em bases de dados, como o SIDRA_IBGE e o SIGAMS, página da Associação dos Produtores de Soja de Mato Grosso do Sul. A área plantada cresceu 500% entre 2004 e 2014. A expansão da cana-de-açúcar aconteceu em áreas antes ocupadas pela pecuária e pode ser explicada pela escassez de terra nas principais regiões produtores de cana e a disponibilidade de terra no estado. Mais de 75% da cana-de-açúcar processada pelas 22 usinas do estado vai para etanol. A agroindústria canavieira contribuiu para a modernização da agricultura do estado. Para se manter competitivas, as culturas de milho e soja aumentaram suas produtividades de 13,4% e 6%, respectivamente, entre 2006 e 2015 e o número de bois abatidos aumentou 6%, enquanto a área diminuiu 8,14%.

Palavras-chave

Desenvolvimento Rural; Agronegócio; Agroindústria canavieira.

Texto completo:

PDF