CARACTERÍSTICAS DAS TRANSAÇÕES DE AVICULTORES SUL-MATO-GROSSENSES E A INDÚSTRIA AVÍCOLA

Autores

  • Gustavo Magalhaes de Oliveira PhD student - Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo (FEA/USP)
  • Silvia Morales de Queiroz Caleman Professora na Escola de Administração e Negócios da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (ESAN/UFMS)

DOI:

https://doi.org/10.48075/igepec.v21i2.14828

Palavras-chave:

Ciências Sociais, Economia, Agronegócio.

Resumo


Na Economia das Organizações é cada vez mais frequente a utilização da Economia de Custos de Transação (ECT) e os custos de mensuração perante a variabilidade das formas de governança. Entretanto, essa avaliação carece de uma visão teórica com base em um conceito sólido. Portanto, o presente trabalho tem como objetivo principal apresentar empiricamente o conceito de Tolerância Organizacional no sistema agroindustrial (SAG) de aves de Mato Grosso do Sul. A pesquisa é descritiva com abordagem qualitativa, além de ser embasada em 33 observações com questionários semiestruturados. O principal resultado encontrado é a baixa tolerância organizacional do SAG, ou seja, a dependência de poucos modos de governança. Porém, os agentes analisados são totalmente dependentes dos contratos de integração, visto que estes são utilizados de maneira exclusiva para a coordenação do sistema produtivo. Com isso, a contribuição da pesquisa é visualizada através da aplicação empírica de constructos teóricos embasados na diversidade de formas de governança. 

Downloads

Publicado

26-02-2018

Como Citar

OLIVEIRA, G. M. de; CALEMAN, S. M. de Q. CARACTERÍSTICAS DAS TRANSAÇÕES DE AVICULTORES SUL-MATO-GROSSENSES E A INDÚSTRIA AVÍCOLA. Informe GEPEC, [S. l.], v. 21, n. 2, p. 24–41, 2018. DOI: 10.48075/igepec.v21i2.14828. Disponível em: https://e-revista.unioeste.br/index.php/gepec/article/view/14828. Acesso em: 29 maio. 2022.

Edição

Seção

Artigos