CIDADES INTELIGENTES E SUSTENTÁVEIS: UMA ANÁLISE SOB A PERSPECTIVA DAS POLÍTICAS PÚBLICAS DE PATO BRANCO- PR

Autores

  • Cassiana Ferreira Bachendorf Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR/ PB)
  • Gilson Ditzel Santos Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR/ PB)
  • Giovanna Pezarico Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR/ PB)
  • Marcos Junior Marini Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR/ PB)

DOI:

https://doi.org/10.48075/igepec.v23i1.19323

Palavras-chave:

Cidades Inteligentes e Sustentáveis, Políticas Públicas, Modelo dos Múltiplos Fluxos

Resumo


O objetivo desta pesquisa é analisar as ações do poder público municipal de Pato Branco-PR no contexto das cidades inteligentes e sustentáveis. Para tanto, esta pesquisa qualitativa utilizou-se de entrevistas semiestruturadas com atores ligados aos projetos e às políticas públicas desta cidade. A partir do modelo dos múltiplos fluxos, de Kingdon, foi possível verificar que a prática de cidade inteligente em Pato Branco é uma construção de anos, com ações entre a administração municipal, as instituições de ensino superior e o setor privado. Essas ações deram suporte para que, atualmente, a cidade venha se destacando no cenário nacional com indicadores, ainda que incipientes, porém com características de cidades inteligentes e sustentáveis.

Downloads

Publicado

22-11-2019

Como Citar

FERREIRA BACHENDORF, C.; DITZEL SANTOS, G.; PEZARICO, G.; MARINI, M. J. CIDADES INTELIGENTES E SUSTENTÁVEIS: UMA ANÁLISE SOB A PERSPECTIVA DAS POLÍTICAS PÚBLICAS DE PATO BRANCO- PR. Informe GEPEC, [S. l.], v. 23, n. 1, p. 29–50, 2019. DOI: 10.48075/igepec.v23i1.19323. Disponível em: https://e-revista.unioeste.br/index.php/gepec/article/view/19323. Acesso em: 4 out. 2022.

Edição

Seção

Artigos