GOVERNANÇA APLICADA AO SETOR PÚBLICO: UM ESTUDO BIBLIOMÉTRICO DOS ÚLTIMOS CINCO ANOS/Governance applied to the public sector: a bibliometric study of the last five years

Autores

DOI:

https://doi.org/10.48075/igepec.v24i2.23856

Palavras-chave:

Bibliométrico, Governança Pública, Gestão.

Resumo


A Governança aplicada ao setor público é abordada diante de determinados pressupostos como gestão, responsabilidade, accountability (prestação de contas), transparência e legalidade do setor público. Segundo os modelos realizados pela ONU e pela OECD, estes elementos são considerados essenciais para o desenvolvimento das sociedades. O presente estudo propõe-se, a partir de uma pesquisa bibliométrica, analisar os trabalhos propostos sobre governança aplicada ao setor público nos últimos 5 anos. A análise das publicações na base de dados Web of Science, resultou em 719 artigos e constatou-se que a quantidade de estudos acerca de Governança Pública no período compreendido entre 2009 e 2018 vêm aumentando gradativamente. A instituição em destaque na pesquisa sobre Governança Pública é a universidade de Londres, nenhuma Instituição brasileira aparece entre as dez maiores produtoras de trabalhos científicos nesta área. Quanto ao número de artigos por países, os Estados Unidos lideram o ranking de publicações, seguidos de Inglaterra e China. Dentre os tipos de produções, o formato de artigo é o mais escolhido entre os pesquisadores.

Palavras chaves: Bibliométrico, Governança e Governança Pública.

Biografia do Autor

Glauco Oliveira Rodrigues, Universidade Federal de Santa Maria

Possui graduação em Redes de Computadores pela Universidade Federal de Santa Maria (2014). Mestrado em Administração pela Universidade Federal de Santa Maria(2016) e Doutorando pela Universidade Federal de Santa Maria. Tem experiência na área de Ciência da Computação, com ênfase em Redes de Computadores, participante de pesquisa na área de Sistemas de Informação, Pesquisa Operacional e Sustentabilidade Ambiental, atuando principalmente nos seguintes temas: modelagem de sistemas complexos e ambientais.

 

Marcelo Cassanta Antunes, Universidade Federal de Santa Maria

Possui graduação em Ciências Contábeis pela Universidade Federal de Santa Maria/RS e em Gestão Pública pelo Centro Universitário Internacional. Também possui MBA em Contabilidade Pública e Responsabilidade Fiscal pelo Centro Universitário Internacional. Atualmente possui cargo de Assistente em Administração na Universidade Federal de Santa Maria/RS.

Cristiane Rosa Moreira, Universidade Federal de Santa Maria

Doutoranda em Administração pelo Programa de Pós-Graduação da Universidade Federal de Santa Maria. Possui graduação em Administração (2005) e mestrado em Administração pela Universidade Federal de Santa Maria (2007). Atualmente é professora Assistente da Universidade Federal de Santa Maria, atuando no Campus Palmeira das Missões. Tem experiência na área de Administração Pública e marketing de empresas privadas.

Elijeane dos Santos Sales, Universidade Federal de Santa Maria

Possui graduação em administração pela Universidade Federal de Santa Maria (2010), graduação em Programa Especial de Graduação de Formação de Professores Para A Educação P pela Universidade Federal de Santa Maria (2014) e mestrado em Administração pela Universidade Federal de Santa Maria (2015). Tem experiência na área de Administração, com ênfase em Administração.

Joao Antunes, Universidade Federal de Santa Catarina

Graduado em Administração

Técnico Administrativo da Universidade Federal de Santa Catarina

Referências

ALBAGLI, S. Fronteiras da ciência da informação. Brasília: IBICT, 2013.

ARAÚJO, C. A. Bibliometria: evolução histórica e questões atuais. Em questão, v. 12, n. 1, 2006.

BENEDICTO, S. C. et al. Governança corporativa: uma análise da aplicabilidade dos seus conceitos na administração pública. Organizações Rurais & Agroindustriais, v. 15, n. 2, p. 286-300, 2013.

CANCHUMANI, L. et al. Domínios científicos na UFRJ: mapeamento de áreas de conhecimento. 2015.

CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Acervo. Brasília, 2000. Disponível em: <https://www.periodicos.capes.gov.br/?option=com_pcollection&mn=70&smn=79&cid=81>. Acesso em nov. 2019.

COLLIS, J.; HUSSEY, R. Pesquisa em administração: um guia prático para alunos de graduação e pós-graduação. 2. ed. Porto Alegre: Bookman, 2005.

GOMES, V. P. O editor de revista científica: desafios da prática e da formação. Informação & Informação, Londrina, v. 15, n. 1, p. 147-172, jan./jun. 2010.

GONZALEZ, Roberto Sousa. Governança Corporativa Poder de Transformação das Empresas. Editora Trevisan, São Paulo, 2012.

IBGC – Instituto Brasileiro de Governança Corporativa. Governança corporativa. Disponível em: <http://www.ibgc.org.br>. Acesso em: nov. 2019.

KISSLER, L.; HEIDEMANN, F. G. Governança Pública: novo modelo regulatório para as relações entre Estado, mercado e sociedade? Revista de Administração Pública, v. 40, n. 3, p. 479-499, 2006. DOI: 10.1590/S0034-76122006000300008

MARCELO, J. F.; HAYASHI, M. C. P. I. Estudo bibliométrico sobre a produção científica no campo da sociologia da ciência. Informação & Informação, Londrina, v. 18, n. 3, p. 138-153, set./dez. 2013.

MOTKE, F. D.; RAVANELLO, F. S.; RODRIGUES, G. O. Teoria institucional: um estudo bibliométrico da última década na Web Of Science. Contextus, Fortaleza, v. 14, n. 2, p. 63-86, 2016.

MURITIBA, P. M.; MURITIBA, S. N.; CAMPANÁRIO, M.; RIBEIRO, H. C. M. Governança em Empresas Públicas. Revista de Administração, contabilidade e economia, v.13, n.2, 2014.

OECD – Organisation for Economic Co-Operation and Development. Principles of corporate governance. 2014. Disponível em: <http://www.oecd.org/daf/ca/corporategovernanceprinciples/31557724.pdf >. Acesso em: nov. 2019

OLIVEIRA, S. C. M. et al. Bibliometria em artigos de contabilidade aplicada ao setor público. In: Congresso Brasileiro de Custos-ABC. Anais. 2013.

OLIVEIRA, A. G.; PISA, B. J. IGovP: índice de avaliação da governança pública-instrumento de planejamento do Estado e de controle social pelo cidadão. Revista de Administração Pública-RAP, v. 49, n. 5, p. 1263-1290, 2015.

PEIXE, B. C. S.; ROSA FILHO, C.; PASSOS, G. A. Governança pública e accountability: Uma análise bibliométrica das publicações científicas nacionais e internacionais. Revista Contemporânea de Contabilidade, v. 15, n. 36, p. 77-96, 2018.

PINHEIRO, A. S.; CARRIERI, A. DE P.; JOAQUIM, N. DE F. Esquadrinhando a governança corporativa: o comportamento dos personagens sob o ponto de vista dos discursos dos autores acadêmico. Revista Contabilidade & Finanças, v. 24, n. 63, p. 231–242, dez. 2013.

QUEVEDO-SILVA, F.; SANTOS, E. B. A.; BRANDÃO, M. M.; VILS, L. Estudo bibliométrico: orientações sobre sua aplicação. Brazilian Journal of Marketing, v. 15, n. 2, p. 246- 262, abr./jun. 2016.

RIBEIRO, H. C. M. Abordagem da governança corporativa em artigos publicados nas revistas da área de contabilidade classificadas no sistema qualis da capes de 2000 a 2011. Revista Brasileira de Contabilidade, n. 199, p. 10-27, 2013.

SANTOS, A. F.; RAUSCH, R. B.. Perícia contábil na revista brasileira de contabilidade: uma análise bibliométrica do período de 1992 a 2008. In: Congresso Brasileiro de Custos-ABC. Anais. 2009.

SANTOS, G. C. Análise bibliométrica dos artigos publicados como estudos bibliométricos na história do congresso brasileiro de custos. Pensar Contábil, v. 17, n. 62, 2015.

SILVEIRA, J. P. B. A produção científica em periódicos institucionais: um estudo da revista biblos. Revista eletrônica de biblioteconomia e ciência da informação, v. 17, n. 33, 2012.

VANTI, N. A. P. Da bibliometria à webometria: uma exploração conceitual dos mecanismos utilizados para medir o registro da informação e a difusão do conhecimento. Ciência da informação, v. 31, n. 2, p. 152-162, 2002.

VERGARA, S. C. Métodos de pesquisa em administração. 6. ed. São Paulo: Atlas, 2015.

Downloads

Publicado

22-07-2020

Como Citar

RODRIGUES, G. O.; ANTUNES, M. C.; MOREIRA, C. R.; SALES, E. dos S.; ANTUNES, J. GOVERNANÇA APLICADA AO SETOR PÚBLICO: UM ESTUDO BIBLIOMÉTRICO DOS ÚLTIMOS CINCO ANOS/Governance applied to the public sector: a bibliometric study of the last five years. Informe GEPEC, [S. l.], v. 24, n. 2, p. 11–29, 2020. DOI: 10.48075/igepec.v24i2.23856. Disponível em: https://e-revista.unioeste.br/index.php/gepec/article/view/23856. Acesso em: 13 ago. 2022.

Edição

Seção

Artigos