Avaliação econômica da produção de mudas de erva-mate

Autores

  • Eraldo Antonio Bonfatti Júnior Universidade Federal do Paraná - UFPR UFPR - CIFLOMA - PÓS GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA FLORESTAL - Av. Pref. Lothário Meissner, 632, CEP: 80210-170 - Jardim Botânico - Campus III - Curitiba - Paraná - Brasil https://orcid.org/0000-0002-2730-7681
  • Elaine Cristina Lengowski Universidade Federal do Mato Grosso - UFMT Faculdade de Engenharia Florestal - FENF Avenida Fernando Corrêa da Costa, 2367 - Boa Esperança, Cuiabá - MT, 78068-600
  • Luiz Matheus Artner Universidade do Contestado - UnC Rua Roberto Ehlke, 86, Centro, Canoinhas - SC, CEP 89460-000

Resumo


A avaliação econômica é importante para todos os investimentos, independente do faturamento, tamanho, estrutura, atividade e mercado. Diante do exposto, objetivou-se com presente trabalho realizar uma avaliação econômica de um viveiro florestal de médio porte destinado à produção de mudas de erva-mate. Os dados analisados foram coletados no município de Canoinhas (SC) e foram considerados os custos de implantação, manutenção e operação deste viveiro. O horizonte temporal utilizado foi vinte e cinco anos de investimento, considerando três preços de mudas praticados na cidade e cinco taxas de juros para a análise de sensibilidade. Foram calculados o payback, razão receitas/custos, custo médio de produção, taxa interna de retorno (TIR) e valor presente líquido (VPL). O custo médio de produção observado foi baixo e foi inferior aos valores de comercialização das mudas. Os três preços das mudas comercializadas apresentaram resultados economicamente viáveis, porém, quando a muda é vendida com um maior preço, teve-se melhores resultados, como o payback mais curto e alta TIR. O aumento do preço de venda da muda aumentou a rentabilidade do projeto, enquanto que o aumento da taxa de juros aplicado diminuiu a rentabilidade.

Biografia do Autor

Eraldo Antonio Bonfatti Júnior, Universidade Federal do Paraná - UFPR UFPR - CIFLOMA - PÓS GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA FLORESTAL - Av. Pref. Lothário Meissner, 632, CEP: 80210-170 - Jardim Botânico - Campus III - Curitiba - Paraná - Brasil

Possui graduação em Engenharia Florestal pela Universidade de Brasília (2010) e Mestrado em Recursos Florestais na Universidade de São Paulo - Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz" (2014), atualmente é discente de doutorado do programa de pós-graduação em Engenharia Florestal da Universidade Federal do Paraná. Atuou como professor dos cursos de Engenharia Florestal e Engenharia Civil da Universidade do Contestado. Trabalha e tem experiência internacional na área de Tecnologia e Utilização de Produtos Florestais, com ênfase em Tecnologia de Celulose e Papel, atuando principalmente nos seguintes temas: qualidade da madeira, processos produtivos de indústria à base de madeira, novas matérias-primas para indústria de celulose, processos kraft de polpação, estágios de branqueamento de polpa celulósica e biorrefinarias. Tangencialmente desenvolve projetos na área de Inventário Florestal, Sistemas de Informações Geográficas, Topografia, Cartografia e Geoprocessamento.

Downloads

Publicado

20-04-2019

Como Citar

BONFATTI JÚNIOR, E. A.; LENGOWSKI, E. C.; ARTNER, L. M. Avaliação econômica da produção de mudas de erva-mate. Scientia Agraria Paranaensis, [S. l.], v. 18, n. 1, p. 22–27, 2019. Disponível em: https://e-revista.unioeste.br/index.php/scientiaagraria/article/view/21086. Acesso em: 5 dez. 2021.

Edição

Seção

Artigos Científicos