Conhecimento Tácito: o caso da Unioeste na criação do Plano de Desenvolvimento do Agente Universitário (PDA)

Amarildo Jorge da Silva, Bruna Danielle Moreira Paz

Resumo

O objetivo precípuo do artigo é compreender sistemicamente o processo de conversão do conhecimento tácito em conhecimento explícito do Agente Universitário da Unioeste. Toma-se como objeto de estudo o Plano de Desenvolvimento do Agente Universitário (PDA) proposto pela Pró-reitoria de Recursos Humanos e pela Reitoria da Unioeste em outubro de 2012. A estratégia de pesquisa foi o uso do Estudo de Caso e do Modelo SECIde conversão do conhecimento de Nonaka e Takeuchi. O artigo foi construído teoricamente ancorado na gestão do conhecimento e no paradigma sistêmico de compreensão do mundo. Os resultados da pesquisa apontam que de fato, a transformação de expertises individuais em expertises coletivas aumentam a capacidade organizacional nos aspectos de eficiência, eficácia, economicidade e efetividade no alcance de resultados organizacionais. Conclui-se que o grande desafio gerencial do século XXI é buscar esta transformação.

Palavraschave: Conhecimento Explícito, Gestão, Expertise.

Palavras-chave

Gestão do Conhecimento

Texto completo:

PDF