Micropropagação de candeia, uma espécie nativa do cerrado brasileiro

Débora de Oliveira Prudente, Fernanda Carlota Nery, Renato Paiva, Vívian Loryane Ávila Goulart, Aline Cristini do Nascimento Anselmo

Resumo


Candeia (Eremanthus erythropappus) é uma espécie nativa do Cerrado que apresenta potencial econômico para a indústria madeireira e farmacêutica. Entretanto, a taxa de germinação ex vitro das sementes é considerada baixa. Neste contexto, objetivou-se estabelecer um protocolo para germinação e multiplicação in vitro, visando a rápida multiplicação da espécie. Para a germinação in vitro foram testados os meios de cultura WPM; ½ WPM; ¼ WPM; MS; ½ MS e ¼ MS. Além disso, também foram testadas concentrações de GA3 (0,0; 0,2; 0,4; 0,6; 0,8 mg L-1) e níveis de pH (4,8, 5,8 e 6,8) no meio de cultura ¼ WPM. Para a multiplicação in vitro, segmentos caulinares foram inoculados em meio de cultura ¼ WPM, suplementado com BAP (0,0; 1,0; 2,0; 3,0; 4,0 e 5,0 mg L-1). Brotações obtidas in vitro foram individualizadas e inoculadas em meio de cultura ¼ WPM, suplementado com AIB (0,0; 1,0; 2,0; 3,0; 4,0 mg L-1) e 1,5 g L-1 de carvão ativado para o enraizamento in vitro. As brotações foram transferidas para tubetes contendo Plantmax® para posterior aclimatização. Conclui-se que o meio de cultura mais eficiente para a germinação in vitro de candeia é o ¼ WPM suplementado com 0,56 mg L-1 de GA3, e nível de pH 4,8. Para a multiplicação deve ser utilizado o meio ¼ WPM suplementado com 2,8 mg L-1 de BAP e 3,1 mg L-1 de AIB. As plantas apresentaram 70% de aclimatização ex vitro.

Palavras-chave


Cerrado; cultura de tecidos; Eremanthus erythropappus (DC.) MacLeish; espécie florestal.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.18188/sap.v15i3.12893

Incluir comentário

Revista Scientia Agraria Paranaensis

Unioeste - Universidade Estadual do Oeste do Paraná

Campus de Marechal Cândido Rondon

ISSN: 1983-1471 - (versão eletrônica)

Centro de Ciências Agrárias

Rua Pernambuco 1777 — Caixa Posta 91

CEP 85960-000 Marechal Cândido Rondon — Paraná — Brasil

E-mail: revista.sap@unioeste.br

Fone: (45) 3284 7901