Principais recursos florais para as abelhas da caatinga

Daniel de Freitas Brasil, Michelle de Oliveira Guimarães-Brasil

Resumo


Esta revisão tem o objetivo de realizar um levantamento sobre os principais recursos florais disponíveis para as abelhas sociais, semi-sociais ou solitárias do bioma Caatinga, enfocando as espécies botânicas mais comumente encontradas nos extratos arbóreos, arbustivos, subarbustivos, herbáceo, bem como nas espécies trepadeiras. As recompensas florais ofertadas às abelhas do semiárido brasileiro são principalmente pólen, néctar, perfumes, óleos, resinas e locais para nidificação. A dificuldade encontrada para a manutenção das atividades apícolas, devido principalmente ao ambiente severo ao qual as abelhas estão inseridas, pode ser mitigada através de práticas de manejo unidas à diversificação do pasto apícola. Práticas de reflorestamento devem ser realizadas de forma a manter uma disponibilidade de recursos mínimas à sobrevivência das abelhas mesmo em períodos de estiagem, uma vez que existem espécies vegetais que ofertam esses recursos nos períodos mais secos do ano. Esse conhecimento dos recursos florais da Caatinga é estratégico para a manutenção e conservação da apifauna, responsável direta pela perpetuação das espécies nativas através da polinização cruzada, bem como pelo incremento produtivo das culturas agrícolas.


Palavras-chave


recompensa floral; apifauna; semiárido brasileiro

Texto completo:

PDF


Incluir comentário

Revista Scientia Agraria Paranaensis

Unioeste - Universidade Estadual do Oeste do Paraná

Campus de Marechal Cândido Rondon

ISSN: 1983-1471 - (versão eletrônica)

Centro de Ciências Agrárias

Rua Pernambuco 1777 — Caixa Posta 91

CEP 85960-000 Marechal Cândido Rondon — Paraná — Brasil

E-mail: revista.sap@unioeste.br

Fone: (45) 3284 7901