Sobre a Revista

Políticas Editoriais

  • Foco e Escopo
  • Políticas de Seção
  • Processo de Avaliação pelos Pares
  • Periodicidade
  • Política de Acesso Livre
  • Arquivamento
  • Conselho Editorial
  • Indexadores da Revista
  • Política de Detecção de Similaridade

Foco e Escopo

A Revista Ideação é uma publicação semestral do Centro de Educação, Letras e Saúde da Unioeste - Universidade Estadual do Oeste do Paraná - Campus de Foz do Iguaçu. Trata-se de um periódico interdisciplinar que se concentra nas áreas de Educação, Letras e Humanidades. A revista recebe contribuições com a perspectiva de divulgar a produção científica e aproximar pesquisadores das referidas áreas. Possui abrangência nacional, tanto em sua distribuição como em seu conteúdo. Publica artigos ou ensaios, resenhas, debates, comunicações e entrevistas.

Perspectivas
O fortalecimento e a expansão deste veículo de divulgação científica é um dos objetivos principais. Para tanto, buscar-se-á ampliar sua divulgação junto ao maior número possível de projetos similares. Uma vez consolidada em âmbito nacional, a Revista Ideação buscará efetivar sua abrangência internacional, consolidando inicialmente o intercâmbio entre os paises do conesul, dado o posicionamento estratégico de sua localização, em Foz do Iguaçu, na tríplice fronteira.

 

Políticas de Seção

Artigos

 Submissões abertas  Indexado  Avaliado pelos pares

Resenhas

 Submissões abertas  Indexado  Avaliado pelos pares

Ensaios

 Submissões abertas  Indexado  Avaliado pelos pares

Entrevista

 Submissões abertas  Indexado  Avaliado pelos pares

 

Processo de Avaliação pelos Pares

Inicialmente é realizada uma avaliação técnica quanto à normatização das contribuições e sua equivalência às normas do periódico e também ao escopo do periódico, além de uma prévia detecção de similaridade.

As propostas de avaliação são realizadas por pares especializados na temática da submissão. São submetidas a pelo menos dois pareceristas ad hoc ou membros do conselho editorial, sendo a titulação mínima de mestrado para realização da avaliação. No caso de pareceres divergentes, uma terceira avaliação é realizada. Todo processo de avaliação é cego, e se garante o anonimato tanto de autores como dos avaliadores. Estimulamos o uso de detectores de similaridades também pelos avaliadores.

Reiteramos o compromisso com a divulgação científica e a política de tolerância zero em relação ao plágio acadêmico.

 

Periodicidade

Semestral

 

Política de Acesso Livre

Esta revista oferece acesso livre imediato ao seu conteúdo, seguindo o princípio de que disponibilizar gratuitamente o conhecimento científico ao público proporciona maior democratização mundial do conhecimento. Todos procedimentos da Revista Ideação são GRATUITOS: submissão, avaliação e publicação.

 

Arquivamento

Esta revista utiliza o sistema LOCKSS para criar um sistema de arquivo distribuído entre as bibliotecas participantes e permite às mesmas criar arquivos permanentes da revista para a preservação e restauração. Saiba mais...

 

Conselho Editorial

Adriana Zilly
CELS - Centro de Educação, Letras e SaúdeUnioeste
Universidade Estadual do Oeste do Paraná - Foz do Iguaçu

Alessandra Rosa Carrijo
CELS – Centro de Educação, Letras e Saúde
Unioeste - Universidade Estadual do Oeste do Paraná - Foz do Iguaçu

Arminda Rachel Botelho Mourão
Faculdade de Educação
UFAM – Universidade Federal do Amazonas

Carla Macedo Martins
Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venancio
Fiocruz - Fundação Oswaldo Cruz

Consuelo Uribe Mallarino
Faculdade de Sociologia
Pontificia Universidade Javeriana – Colômbia

Dermeval da Hora
AFAL -  Associação de Linguística e Filologia da América Latina
UFPB – Universidade Federal da Paraíba

Dermeval Saviani
Faculdade de Educação
UNICAMP - Universidade Estadual de Campinas

Djalma Thurler
CULT - Centro de Pesquisa Multidisciplinar em Cultura
UFBA - Universidade Federal da Bahia

Euclides Marchi
UNICEMP - Centro Universitário Positivo
UFPR – Universidade Federal do Paraná

Fabiany Tavares Silva
Faculdade de Educação
UFMS - Universidade Federal de Mato Grosso do Sul

Felipe Botelho Corrêa
Faculdade de Artes e Humanidades
Universidade King’s College London

Fernando José Martins
CELS – Centro de Educação, Letras e Saúde
Unioeste - Universidade Estadual do Oeste do Paraná - Foz do Iguaçu

Isis Ribeiro Berger
CELS – Centro de Educação, Letras e Saúde
Unioeste - Universidade Estadual do Oeste do Paraná - Foz do Iguaçu

Ivani Catarina Fazenda
Programa de Pós-Graduação em Educação
PUC-SP - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo

Jacob Blanc
Escola de História, Clássicos e Arqueologia
Universidade de Edimburgo

João Wanderley Geraldi
Instituto de Estudos da Linguagem (IEL)
UNICAMP - Universidade Estadual de Campinas

Juan Carlos Villa Soto
Centro de Pesquisa Interdisciplinar em Ciências e Humanidades
UNAM - Universidade Nacional Autônoma do México

Julia Malanchen
CELS – Centro de Educação, Letras e Saúde
Unioeste - Universidade Estadual do Oeste do Paraná - Foz do Iguaçu

Luciana Aparecida Fabriz
CELS – Centro de Educação, Letras e Saúde
Unioeste - Universidade Estadual do Oeste do Paraná - Foz do Iguaçu

Marcel Bursztyn
Centro de Desenvolvimento Sustentável
UnB - Universidade de Brasília

Maria Paula Meneses
Centro de Estudos Sociais
UC - Universidade de Coimbra

Marymárcia Guedes
Faculdade de Ciências e Letras - Campus de Araraquara, Departamento de Lingüística
UNESP - Universidade Estadual Paulista - Araraquara

Michael Lowy
CNRS - ConselhoNacional de Pesquisa Científica
Escola de Estudos Superiores em Ciências Sociais - França

Regina Coeli Machado e Silva
CELS – Centro de Educação, Letras e Saúde
Unioeste - Universidade Estadual do Oeste do Paraná - Foz do Iguaçu

Reinaldo Antonio Silva-Sobrinho
CELS – Centro de Educação, Letras e Saúde
Unioeste - Universidade Estadual do Oeste do Paraná - Foz do Iguaçu

Robert Frodeman
Departamento de Filosofia e Religião
Universidade do Norte do Texas

Roberto Follari
Faculdade de Ciências Políticas e Sociais
Universidade Nacional de Cuyo – Argentina

Rosane Andrade Berlinck
Faculdade de Ciências e Letras - Campus de Araraquara, Departamento de Lingüística
UNESP - Universidade Estadual Paulista – Araraquara

Rui Canário
Instituto de Educação
Universidade de Lisboa – Portugal

Sérgio Lessa
Centro de Ciencias Humanas, Letras e Artes – Departamento de Filosofia
UFAL - UniversidadeFederal de Alagoas

Sonia Maria Lazzarini Cyrino
Programa de Pós-Graduação em Linguística
UNICAMP - Universidade Estadual de Campinas

Uskali Mäki
Centro de Excelência
Universidade de Helsinque

Viviane Gontijo
Faculdade de Artes e Ciências - Língua e Literaturas Românicas
Universidade de Harvard

Yolanda Rodríguez González
Departamento Acadêmico de Comunicação - Seção de Comunicação
PUC - Pontifícia Universidade Católica do Peru

Zaida Azeredo
Mestrado em Saúde e Intervenção Comunitária
Instituto Piaget – Portugal

 

 

 

Indexadores da Revista

Crossref

Diadorim – Diretório de Políticas Editoriais das Revistas Científicas Brasileiras

ERIH PLUS – European Reference Index for the Humanities and Social Sciences

EuroPub – Directory of Academic and Scientific Journals

EZB – Elektronische Zeitschriftenbibliothek – University Library of Regensburg – Universität München

Google Acadêmico

LATINDEX – Sistema Regional de Información en Línea para Revistas Científicas de América Latina, el Caribe, España y Portugal

LatinREV – Red Latinoamericana de Revistas Académicas en Ciencias Sociales y Humanidades

LivRe – Revistas de Livre Acesso

MIAR – Matriz de Información para el Análisis de Revistas – Universitat de Barcelona

PKP-Index – Public Knowledge Project – Universidade de British Columbia – Canadá

Portal de Periódicos Capes – Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de nível Superior

REDIB – Red Iberoamericana de Inovacción y Conocimiento Científico

ResearchBib – Academy Resource Index

ROAD - Directory of Open Access scholarly Resources

Sumários de Revistas Brasileiras - Fundação de Pesquisas Científicas de Ribeirão

WorldCat – Online Computer Library Center (OCLC)

 

Política de Detecção de Similaridade

A revista Ideação tem uma política de tolerância de cerceamento ao plágio acadêmico, para tanto volta-se ao uso preliminar de dispositivos para detecção de similaridades. Para tanto, os manuscritos submetidos são avaliados pelo software CopySpider pela equipe técnica. Em qualquer detecção de parágrafos copiados sem a devida referência, o documento é devolvido aos autores.  Em consonâncias com as agências nacionais, as ações e orientações se encontram de acordo com as Diretrizes básicas para a integridade na atividade científica. A revista Ideação também identifica e se contrapõe à prática de autoplágio acadêmico. As situações identificadas, salvaguardados o direito ao contraditório e de defesa, são passíveis de penalização junto à revista Ideação, com até suspensão/banimento de publicação por parte do autor. Para todos os procedimentos são observadas as normativas institucionais e legais que versam sobre a temática.