A INTERNET COMO FERRAMENTA PEDAGÓGICA NO PROCESSO DE ENSINO E APRENDIZAGEM DE LÍNGUA INGLESA

Autores

  • Ana Paula Domingos Baladeli
  • Anair Altoé

DOI:

https://doi.org/10.5935/rl&l.v10i18.3232

Palavras-chave:

Ensino e aprendizagem, Língua Inglesa, Internet.

Resumo


A informação e a comunicação tornam-se cada vez mais relevantes no atual contexto, e, por conseguinte, novos canais para transmiti-la são necessários. O computador e a Internet já não são apenas ferramentas de trabalho e entretenimento, seus aplicativos também modificam os paradigmas na educação visto que criam novas formas de ensinar e aprender. No ensino e aprendizagem de Língua Inglesa o uso de diferentes materiais disponíveis na Internet, quais sejam; arquivos de áudio, vídeo, textos autênticos, imagens entre outros permitem aos aprendizes maior contato com a língua que estudam. Norteado pela perspectiva Construcionista de educação, em que o uso do computador como ferramenta de aprendizagem contribui para a construção de conhecimento do aprendiz, este trabalho apresenta reflexões sobre o uso da Internet no ensino e na aprendizagem de Língua Inglesa. Para tanto fundamentamo-nos em estudos de Piaget (2003), Papert (1994), Valente (1993, 1999, 2002, 2003), Altoé (2005), Saviani (2001), Paiva (2001, 2008) entre outros. Ao longo dessas leituras o repensar sobre a formação do professor de línguas a fim de possibilitar-lhe condições para atuação crítica com tecnologias é apontado como um dos fatores para mudança na educação. Até porque, para que o computador e a Internet sejam utilizados como ferramentas pedagógicas, o professor de Língua Inglesa precisa encarar esse ambiente virtual novo e desafiador como uma alternativa para construção de conhecimento nesse idioma.

Downloads

Publicado

01-01-2000

Como Citar

BALADELI, A. P. D.; ALTOÉ, A. A INTERNET COMO FERRAMENTA PEDAGÓGICA NO PROCESSO DE ENSINO E APRENDIZAGEM DE LÍNGUA INGLESA. Línguas & Letras, [S. l.], v. 10, n. 18, p. p. 171–185, 2000. DOI: 10.5935/rl&l.v10i18.3232. Disponível em: https://e-revista.unioeste.br/index.php/linguaseletras/article/view/3232. Acesso em: 19 ago. 2022.

Edição

Seção

Dossiê: Estudos em Linguagem e Ensino