LEITURA LITERÁRIA: ESPELHO E ESTRADA NA FORMAÇÃO DO SER

Flávia Brocchetto Ramos, Marli Cristina Tasca Marangoni

Resumo

Estudar a produção literária para a infância implica (a) um olhar apurado para escolher entre as inúmeras obras que são publicadas e (b) a definição de um corpus teórico que ilumine o texto selecionado. Este estudo propõe-se a investigar a obra Menino do rio doce, escrita por Ziraldo e ilustrada pela família Dumont. A obra é um texto híbrido, constituído por dois sistemas – o verbal e o visual – e é analisada como tal. O texto verbal é uma prosa poética cuja voz enunciativa – a de um menino – está em terceira pessoa e assume um caráter lírico. Ao revelar sua relação com o rio que passa na aldeia, o menino vai descobrindo o seu entorno e se descobrindo inserido numa cultura que caracteriza a formação de uma identidade e o seu autoconhecimento como sujeito.

Palavras-chave

literatura infantil; cultura; autoconhecimento

Texto completo:

PDF