A SOBREPOSIÇÃO DE FATORES NA ANÁLISE DA VARIAÇÃO PRONOMINAL NÓS/A GENTE

Autores

  • Lucelene Teresinha Franceschini
  • Loremi Loregian-Penkal

Palavras-chave:

Variação nós/a gente, Variáveis independentes, Sobreposição de fatores.

Resumo


Neste artigo pretendemos analisar,a partir de resultados estatísticos obtidos mediante diferentes rodadas no programa VARBRUL,a sobreposição de fatores da análise conjunta das variáveis saliência fônica, tonicidade e tempo verbal no estudo da variação nós/a gente. A amostra utilizada é constituída de 24 entrevistas de 40/45 minutos cada, realizadas entre 2007 e 2010 em Concórdia – SC, e estratificadas de acordo com sexo, duas faixas etárias (menos de 45 anos e de 50 anos ou mais) e três níveis de escolaridade (fundamental I, fundamental II e ensino médio). Adotando o suporte teórico da Sociolinguística Variacionista pretendemos, então, discutir aspectos metodológicos relacionados à sobreposição de fatores de variáveis independentes que são habitualmente consideradas na análise da variação pronominal nós/a gente na posição de sujeito. Os dados foram obtidos por meio da análise de um corpus com 1553 ocorrências dos pronomes pesquisados: 770 de nós e 783 de a gente. Os resultados mostraram que a análise conjunta das variáveis saliência fônica, tonicidade e tempo verbal altera significativamente os resultados, tanto em relação aos grupos de fatores selecionados, quanto em relação ao peso relativo atribuído às variáveis analisadas.

Downloads

Publicado

11-02-2015

Como Citar

FRANCESCHINI, L. T.; LOREGIAN-PENKAL, L. A SOBREPOSIÇÃO DE FATORES NA ANÁLISE DA VARIAÇÃO PRONOMINAL NÓS/A GENTE. Línguas & Letras, [S. l.], v. 15, n. 31, 2015. Disponível em: https://e-revista.unioeste.br/index.php/linguaseletras/article/view/11040. Acesso em: 18 ago. 2022.

Edição

Seção

Estudos Linguísticos