AS "CARTAS PORTUGUESAS" E A TRADIÇÃO DO “AMOR INFELIZ” NA LITERATURA PORTUGUESA DE VOZ FEMININA

Autores

  • Priscila Finger do Prado

DOI:

https://doi.org/10.5935/rl&l.v11i21.3771

Palavras-chave:

Cartas portuguesas, Amor infeliz, Literatura Portuguesa, Voz feminina.

Resumo


Inserido na perspectiva dos estudos literários, o presente trabalho propõe uma análise das Cartas Portuguesas, obra atribuída a Mariana Alcoforado, partindo da hipótese de que essa obra se constitui, dentro da literatura lusa, como um importante elemento formador do imaginário amoroso português de voz feminina. Por meio do estudo, é possível identificar o fato de que as Cartas são antecedidas, estilística ou tematicamente, pelas cantigas de amor e de amigo, e sucedidas por obras como Livro de Sóror Saudade, de Florbela Espanca, e Novas Cartas Portuguesas, de Maria Isabel Barreno, Maria Velho da Costa e Maria Teresa Horta.

Downloads

Publicado

29-11-2010

Como Citar

PRADO, P. F. do. AS "CARTAS PORTUGUESAS" E A TRADIÇÃO DO “AMOR INFELIZ” NA LITERATURA PORTUGUESA DE VOZ FEMININA. Línguas & Letras, [S. l.], v. 11, n. 21, 2010. DOI: 10.5935/rl&l.v11i21.3771. Disponível em: https://e-revista.unioeste.br/index.php/linguaseletras/article/view/3771. Acesso em: 28 set. 2021.

Edição

Seção

Estudos Literários