VARIAÇÃO SOCIOLINGUÍSTICA: ESTUDO DE CASO NA LÍNGUA BRASILEIRA DE SINAIS

Simone Gonçalves de Lima Silva

Resumo

A língua brasileira de sinais é ainda uma língua pouco estudada pela sociolinguística devido aos poucos anos de seu reconhecimento legal e científico. No entanto, é uma língua presente no Brasil desde os anos imperiais de acordo com os registros disponíveis no Instituto Nacional de Educação de Surdos. Com o objetivo de contribuir com outras investigações de cunho sociolinguístico, investigou-se a ocorrência de variação linguística no caso específico dos sinais usados para PAI e MÃE na localidade da capital de Florianópolis. Os resultados evidenciaram mudanças linguísticas no uso dos dois sinais, o que antes era considerado variante padrão se mostra em processo de desuso, novas variantes de prestígio estão surgindo e ainda foi possível confirmar um processo de mudança histórica relacionada a transformações culturais e à vida em sociedade. 

Palavras-chave

Variação sociolinguística. Língua brasileira de sinais. Mudança linguística em curso.

Texto completo:

PDF