ACURÁCIA DO DIAGNÓSTICO DA TUBERCULOSE PELO TESTE RÁPIDO – GENEXPERT/MTB: REVISÃO INTEGRATIVA

Autores

  • Maico Trevisol Discente do Curso de Pós-Graduação em Ciências Aplicadas à Saúde da Universidade do Oeste do Paraná – UNIOESTE – Unidade Francisco Beltrão
  • Maria Helena Brandeleiro Werlang Discente do Curso de Pós-Graduação em Ciências Aplicadas à Saúde da Universidade do Oeste do Paraná – UNIOESTE – Unidade Francisco Beltrão
  • Lirane Elize Defante Ferreto Docente do Programa de Pós-Graduação em Ciências Aplicadas à Saúde – UNIOESTE, Francisco Beltrão, Paraná, Brasil. https://orcid.org/0000-0002-0757-3659
  • Léia Carolina Lucio Docente do Programa de Pós-Graduação em Ciências Aplicadas à Saúde – UNIOESTE, Francisco Beltrão, Paraná, Brasil. https://orcid.org/0000-0002-8094-4188

DOI:

https://doi.org/10.48075/aes.v5i1.28199

Resumo


A tuberculose é uma doença transmissível causada pelo Mycobacterium tuberculosis. Acomete principalmente nos pulmões, mas pode infectar outros órgãos. Apresenta sintomas como tosse, que pode ser produtiva ou não, febre vespertina, sudorese noturna e dor torácica, astenia, anorexia e emagrecimento. O diagnóstico pode ser através de várias técnicas, sendo o escarro o material mais colonizado pelo Mycobacterium, portanto o mais utilizado. As metodologias baseadas na reação em cadeia da polimerase (PCR) são rápidas e sensíveis, gradativamente têm se tornado o diagnóstico da tuberculose preferencial. Método capaz de identificar pequenas quantidades do patógeno em ampla diversidade de material clínico. O teste GeneXpert/MTB apresenta maior sensibilidade, especificidade, identificação simultânea do ácido desoxirribonucleico (DNA) do complexo Mycobacterium tuberculosis, capacidade de detectar mutações resistentes à Rifampicina e a possibilidade de detecção de casos novos, em menor tempo. O estudo tem o objetivo descrever os estudos que avaliaram a acurácia do diagnóstico da tuberculose pelo teste rápido GeneXpert/MTB, em uma revisão integrativa, foram selecionados 13 estudos que atendiam o objetivo proposto. Muitos estudos defendem inúmeras vantagens como rapidez, sensibilidade e especificidade aceitável, onde se sobressai na comparação com outros métodos de diagnósticos.

Downloads

Publicado

20-12-2021

Como Citar

TREVISOL, M.; BRANDELEIRO WERLANG, M. H. .; ELIZE DEFANTE FERRETO , L. .; CAROLINA LUCIO , L. ACURÁCIA DO DIAGNÓSTICO DA TUBERCULOSE PELO TESTE RÁPIDO – GENEXPERT/MTB: REVISÃO INTEGRATIVA. Acta Elit Salutis, [S. l.], v. 5, n. 1, 2021. DOI: 10.48075/aes.v5i1.28199. Disponível em: https://e-revista.unioeste.br/index.php/salutis/article/view/28199. Acesso em: 24 jan. 2022.

Edição

Seção

Artigos de Revisão