IMAGINÁRIO, CULTURA E EDUCAÇÃO

Autores

  • Adrian Alvarez Estrada
  • Fábio Lopes Alves

DOI:

https://doi.org/10.17648/educare.v12i27.15075

Resumo


O objetivo deste artigo é apresentar algumas considerações sobre a Antropologia das Organizações e da Educação, área de estudo que busca dirigir à escola um “novo olhar”, que privilegie sua dimensão cultural, na qual se realizam as práticas simbólicas organizadoras do real e se expressam o simbólico e o imaginário. Esta abordagem pretende analisar a cultura das organizações educativas, na medida em que estas são mediadoras da reprodução da cultura e do social, contribuindo, portanto, para constituição do universo social dominante. Como propósito de ilustração, apresentaremos a Culturanálise de Grupos, heurística privilegiada deste tipo de abordagem.

Biografia do Autor

Fábio Lopes Alves

Doutor em Ciências Sociais pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos;
Professor Adjunto da Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Downloads

Publicado

20-12-2017

Como Citar

ESTRADA, A. A.; LOPES ALVES, F. IMAGINÁRIO, CULTURA E EDUCAÇÃO. Educere et Educare, [S. l.], v. 12, n. 27, 2017. DOI: 10.17648/educare.v12i27.15075. Disponível em: https://e-revista.unioeste.br/index.php/educereeteducare/article/view/15075. Acesso em: 26 jun. 2022.