A meritocracia na educação escolar brasileira

Autores

  • Karine da Silva Soares Universidade Estadual do Oeste do Paraná - Campus Francisco Beltrão
  • Alexandra Vanessa de Moura Baczinski Universidade Estadual do Oeste do Paraná - Campus Francisco Beltrão

Palavras-chave:

Meritocracia, Avaliação, Ensino público

Resumo


O presente artigo trata sobre a questão da meritocracia nas escolas públicas, bem como os problemas atrelados ela. Além disso, também realizamos uma abordagem quanto aos meios utilizados rotineiramente nas escolas que perpetuam essa prática, visando não só discutir a questão da meritocracia escolar, mas também compreender qual é o real impacto dessa na formação dos alunos das escolas públicas brasileiras. Para isso, foi realizado uma revisão bibliográfica buscando trabalhos relacionados ao tema com os descritores “meritocracia escolar” e “escola pública”, em português e em inglês, nas plataformas Scielo e Google Acadêmico, além de buscarmos livros relacionados ao assunto, com o objetivo de conceituar os termos relacionados, de forma a possibilitar uma análise crítica quanto ao ensino público brasileiro. Com isso, foi possível compreendermos o quão prejudicial a meritocracia é ao ensino brasileiro e também o porquê é preciso uma reforma social para que essa cultura deixe de ser uma realidade.

Referências

CARVALHO, Marília Pinto de. Sucesso e fracasso escolar: uma questão de gênero. Educação e Pesquisa, v. 29, n. 1, p. 185-193, 2003.

DE ANDRÉ, Marli Eliza Dalmazo Afonso. Avaliação escolar: além da meritocracia e do fracasso. Cadernos de Pesquisa, n. 99, p. 16-20, 1996.

FREITAS, Luiz Carlos de. Os reformadores empresariais da educação: da desmoralização do magistério à destruição do sistema público de educação. Educação & Sociedade, v. 33, n. 119, p. 379-404, 2012.

LUCKESI, Cipriano Carlos. Avaliação da aprendizagem escolar: estudos e proposições. 20 ed. São Paulo: Cortez, 2009.

ROMÃO, José Eustáquio. Avaliação: exclusão ou inclusão? EccoS Revista Científica, v. 4, 2002, p. 43-59.

SANTOS, Franciele Soares dos. Trabalho educação e formação humana no MST: tensionando a forma histórica escolar à luz da pedagogia socialista. 2016. 223 f. Tese (Doutorado) - Universidade Federal de Pelotas, Pelotas, 2016.

SILVA, Max Ronaldo da. A meritocracia como fator de estímulo no desempenho da educação brasileira: problematizações e novas possibilidades. 2014. 108 f. Dissertação (Mestrado) - Curso de Mestrado em Educação, Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2014.

VALLE, Ione Ribeiro; RUSCHEL, Elizete. Política educacional brasileira e catarinense (1934-1996): uma inspiração meritocrática. Revista Electrónica de Investigación y Docencia, v. 3, p. 73-92, 2010.

VIEIRA, Cecilia Maria et al. Reflexões sobre a meritocracia na educação brasileira. Revista Reflexão e Ação, Santa Cruz do Sul, v.21, p.316-334, 2013

WIEDERKEHR, Virginie et al. Belief in school meritocracy as a system-justifying tool for low status students. Frontiers In Psychology, [s.l.], v. 6, 2015. Frontiers Media SA.

Downloads

Publicado

22-07-2018

Como Citar

SOARES, K. da S.; BACZINSKI, A. V. de M. A meritocracia na educação escolar brasileira. Temas & Matizes, [S. l.], v. 12, n. 22, p. 36–50, 2018. Disponível em: https://e-revista.unioeste.br/index.php/temasematizes/article/view/20121. Acesso em: 27 nov. 2021.

Edição

Seção

Dossiê: Práticas educativas e de ensino: reflexões sobre os avanços e desafios da formação docente